V- Preparação de facilitadores

on .

Todo trabalho de promoção de leitura requer facilitadores, mediadores de leitura, para despertar o interesse das pessoas, principalmente, crianças, adolescentes e jovens.

Para que o acervo de Cultura de Paz seja conhecido e utilizado é preciso que se prepare

os mediadores para esse tipo de leitura. 

Essa preparação poderá ser  feita para:

     -  atendentes da biblioteca

     - contadores de histórias

     - mediadores de leitura

     - educadores

     - outras pessoas interessadas.

 

1-Opções para a preparação de facilitadores

- Oficinas/ minicursos

- estudo compartilhado

-  encontros/ reuniões presenciais

-  estudo dirigido bibliográfico ( individual ou em grupo)

 - estudo/ pesquisa dirigida  on line 

 

2 - Manuais e obras didáticas para preparação de profissionais e facilitadores

 

Há várias obras de reconhecido valor e eficácia para o estudo e aplicação da Cultura de Paz. 

Com planos de trabalho, orientações metodológicas, sugestões de atividades estas obras facilitam a formação de mediadores de leitura e educadores para a paz , possibilitando o desenvolvimento do trabalho que se proponham a realizar. 

Algumas obras recomendadas: 

A Paz Também se Aprende. 
Naomi Grew; Editora Gaia. 

Cultura de Paz .
Cristina Von; Editora Peirópolis. 

Aprender a Educar para a Paz.
Marcelo Rezende Guimarães;Editora Rede da Paz. 

Cidadãos do Presente: crianças e jovens na luta pela paz.
M. R. Guimarães; Saraiva. 

Uma arte de viver e conviver - Escola de Perdão e Reconciliação. 
Joanne Blaney e Petronella Boonen; Centro de Direitos Humanos e Educação Popular de Campo Limpo. 

A Paz Começa com Você. 
Ken O’ Donnel; Editora Gente. 

A paz como Caminho. 

Dulce Magalhães; Qualymark. 

Resolução de Conflitos- Manual de Mediadores e Agentes de Paz. 
Carlos Eduardo A. Brandão; Programa Gente que faz a Paz/Viva Rio. 

Processos Circulares.
Kay Pranis; Palas Athena. 

Os Construtores da Paz: caminhos da prevenção da violência. 
Maria Tereza Maldonado; Moderna.

 

3 - Sites de Cultura de Paz para consulta:

Organizações de grande, médio e pequeno porte alicerçam o movimento de Cultura de Paz, no Brasil. Cada qual com suas prioridades, estilo de trabalho, abrangência e público alvo.

 A somatória da contribuição de cada núcleo resulta num considerável patrimônio de Cultura de Paz, que pode nos proporcionar:

 Pela relação abaixo, embora bastante incompleta, pode-se obter:

 - Uma visão do desenvolvimento que a Cultura de Paz obteve no Brasil;

 - Conhecimento de conteúdos e estratégias de trabalho diversificadas e inovadoras;

 - Conteúdos, materiais didáticos, documentos, vídeos para download;

 - Canal de contato para interação e fortalecimento da rede de organizações.

 

Para ter acesso a uma relação de organizações e seus sites acessar: 

http://www.cultpaz.com.br/web/index.php/2012-10-23-17-02-38/84-organizacoes-vinculadas-a-cultura-de-paz 

 

 

Entre neste universo virtual de Cultura de Paz.

 

Selecione seus favoritos.
Compartilhe com outros interessados.  

 

 

4- Metodologias específicas : 

    Sínteses dessas metodologias podem ser acessadas  no site Guaxupaz ,pelos links correspondentes.    

 - Recriação de histórias pela abordagem pacífica 

http://www.cultpaz.com.br/web/index.php/cultura-de-paz-2/educacao-para-paz/250-recriacao-de-historias-pela-abordagem-pacifica 

 

Leitura apreciativa: 

http://www.cultpaz.com.br/web/index.php/cultura-de-paz-2/midia-de-paz/266-brigida-fries-fala-sobre-midia-construtiva 

 

- Mídia construtiva:  

http://www.cultpaz.com.br/web/index.php/cultura-de-paz-2/midia-de-paz/266-brigida-fries-fala-sobre-midia-construtiva 

 

-Disciplina restaurativa 

http://www.cultpaz.com.br/web/index.php/cultura-de-paz-2/justica?start=10 

 

http://www.cultpaz.com.br/web/index.php/cultura-de-paz-2/justica/64-fontes-de-informacoes-e-estudo-sobre-justica-restaurativa 

 

 -  Círculos de paz 

      Consultar obra : Processos Circulares. Kay Pranis: Editora Palas Athena 

http://www.cultpaz.com.br/web/index.php/cultura-de-paz-2/justica/66-justica-restaurativa-e-processo-circular-nas-varas-de-infancia-e-juventude