Realizada a primeira Assembléia do Foro Permanente em Guaxupé

on .

Foro Permanente – oportunidade de voz responsável para a sociedade civil

Aconteceu dia 16 de maio, na Casa da Cultura, a Primeira Assembleia Geral Pública do Foro Permanente: Somos o futuro de Guaxupé.

O professor e assistente social Renato Veroneze em seu artigo “FORO Permanente : Revitalização Guaxupeana”, publicado no Jornal da Região, do dia 15/maio, deu excelente contribuição, explicando com clareza aos leitores o que é um “ Foro” e sua importância numa sociedade democrática. Embora o articulista já tenha dito, insistimos em repetir para aqueles que não tenham lido, ou para chamar mais a atenção para que esta oportunidade não seja perdida:
O Foro é um importante espaço de discussão onde a sociedade civil opina, discute, sugere, constrói, contesta e debate ações e mediações políticas, culturais e sociais, para a construção de uma agenda em diferentes níveis e áreas de interesse da comunidade. Podendo ser municipal, estadual, nacional ou internacional.

A idéia inicial do Foro foi a criação de uma psicosfera positiva para a cidade. Psicosfera positiva é um campo de influências psíquicas positivas, explica o professor Veroneze. E é isto que se pretende para Guaxupé. “ Criar uma mentalidade, uma vontade, uma esperança e principalmente ações que possam ser materializadas no cotidiano.”

Contribuir para a formação de uma psicosfera positiva é um dos objetivos do Movimento de Cultura de Paz – GUAXUPAZ.

Diálogo, mediação, participação democrática, desenvolvimento sustentável, entendimento e solidariedade são segmentos da cultura de paz.

Com os ideais afinizados, apoiamos o “ Foro Permanente : Somos o futuro de Guaxupé” e temos esperança de que se estabeleça em nossa cidade este processo responsável de participação democrática, abrindo caminho para outras cidades da região.

Saiba mais lendo na íntegra a matéria de Renato Veroneze :

Foro permanente: revitalização guaxupeana

Aconteceu sábado, 16 de maio, na Fundação Cultural Guaxupé - Casa da Cultura, as 19h30, a Primeira Assembleia Geral Pública do Foro Permanente: Somos o futuro de Guaxupé.

O Foro é um importante espaço de discussão onde a sociedade civil opina, discute, sugere, constrói, contesta e debate ações e mediações políticas, culturais e sociais, para a construção de uma agente em diferentes níveis e áreas de interesse da comunidade. Podendo ser municipal, estadual, nacional ou internacional.

Dentre as atividades programadas para o encontro, os convidados, Dr. José Antônio Ribeiro Filho (Emérito da Academia de Medicina de Brasília), Prof. Dr. Marcelo Zait (Professor da USP e UFSCAR) e o Prof. Dr. Reginaldo Arthus (Professor e Reitor do UNIFEG), proferiram palestras, tendo como tema central: “O futuro da cidade está na arte de planejar o Futuro”.

Segundo Severo Antônio Silva, presidente da Casa da Cultura e Secretário Geral do Foro, “este é um movimento de desenvolvimento e luta para o bem estar da comunidade guaxupeana. Um movimento que pretende ser apartidário, sem preconceito de etnia, credo ou condição e classe social e que tem como objetivo participar, opinar, colaborar e influenciar naquilo que for de interesse e para o bem comum dos cidadãos de Guaxupé”. Severo não tem medido esforços para a realização dessa assembleia e está otimista quanto aos resultados que possam sair desse encontro.

O Foro é um espaço importante para Guaxupé, principalmente porque é um momento em que a sociedade civil, enquanto rede de parcerias entre diversos agentes sociais, dialoga sobre as diversas agendas de ações, que tem como mote uma interface da cultura e do social, de modo a possibilitar a realização de pesquisa, oficinas, arquivos, publicações, produções dentre outras atividades culturais e sociais para a cidade.

Museu e GRABI promovem apresentação de filmes

on .

O Museu Histórico e Geográfico de Guaxupé “Comendador Sebastião de Sá”, em parceria com o Grupo de Amigos da Biblioteca – GRABI, estão realizando, quinzenalmente, apresentações de filmes selecionados, de diferentes estilos e temáticas.

Após a apresentação do filme os participantes, comentam, contextualizam e aprofundam as idéias decorrentes do tema.

O primeiro filme apresentado foi “Os Grandes Olhos”

A participação é gratuita. Os interessados podem obter mais informações pelo telefone (35) 3559 – 1086.

 

Stand de Cultura de Paz da Biblioteca Municipal receberá novo impulso

on .

No início do Movimento de Cultura de Paz , em Guaxupé – GUAXUPAZ, em 2010, foi montado na Biblioteca Municipal , um pequeno stand com obras sobre Cultura de Paz.

Agora, com a criação do Grupo de Amigos da Biblioteca – GRABI, pretende-se melhorar o acervo deste stand e incentivar a utilização deste material.

O que é o GRABI - Grupo de Amigos da BIBLIOTECA

Um grupo de voluntários, conscientes das necessidades de estímulo à leitura e de desenvolvimento de políticas públicas para este fim, criaram o Grupo de Amigos da Biblioteca (GRABI). Os primeiros passos foram dados em maio do corrente ano, reunindo pessoas comprometidas com a leitura e dispostas a desenvolver propostas e atividades para a dinamização da biblioteca municipal.

O grupo inicial é formado por pessoas pró-ativas que optaram por enfrentar as carências e problemas relacionados à biblioteca e colaborar na busca de soluções. O GRABI tem caráter sociocultural e educativo, sem vínculos político- partidários ou religiosos. Está aberto à adesão de novos participantes, parcerias e apoios. Os organizadores reconhecem que há muitas pessoas na comunidade, jovens e adultos, com o perfil do grupo e que, com a chamada desta matéria, possam ser contatados. O grupo fundador lançou a proposta para mobilizar os interessados e iniciar as atividades, mas só terá sucesso com a participação de outras lideranças e pessoas antenadas na prática da leitura.

Propostas do GRABI

As ações serão realizadas gradativamente, a curto e a longo prazo.

- Encontros de convivência do Grupo de Amigos da Biblioteca, periodicamente, no recinto da biblioteca, em datas pré-fixadas.

- Ações diversas para incremento do acervo da biblioteca, fixo e itinerante.
- Feirinhas para troca de livros e revistas.

- Atividades com leitura, para diversos públicos e faixas etárias, incluindo rodas de leitura e oficinas.

- Estudo da Política Pública do Livro e da Leitura e troca de informações, interagindo com órgãos e entidades afins.

– Interação com Secretarias e Conselhos Municipais da Cultura e Educação, com a Comissão de Educação e Cultura da Câmara Municipal.

Adesões

As pessoas interessadas em obter mais informações, como também se inscreverem no grupo, poderão fazer contato com Heloisa (35-3552 66 62) e Rosemeire (35-3559 11 05)

 

Aprovado projeto municipal de cadastro de crianças e adolescentes desaparecidos

on .

O projeto da vereadora guaxupeana Maria Aparecida Cecílio Discini Sandroni para a criação de um cadastro de crianças e adolescentes desaparecidos foi aprovado no mês de maio pela Câmara Municipal.

Segundo explica a autora, a finalidade do cadastro é proteger contra violência, exploração sexual e tráfico de crianças. A vereadora visitou o conselho tutelar, as policias civil e militar, a secretaria de desenvolvimento social para ver como está sendo feito o cadastro na cidade. Ela descobriu que foi desenvolvido o programa Alerta Minas Desaparecidos, para busca imediata de desaparecidos, integrado a 853 municípios mineiros. O projeto em Guaxupé propõe divulgação de crianças e adolescentes desaparecidos, bem como informativos educativos em parceria com escolas e secretarias.

Uma das principais causas do desaparecimento de crianças e adolescentes em Guaxupé são os conflitos familiares, a desestrutura familiar e as drogas, alerta a vereadora.

 Fonte: Jornal Folha do Povo 31/05/14

 

Notícias em Newsletters

on .

Algumas notícias publicadas em newsletters:

Amarribowww.amarribo.org.br

. Corrupção é principal problema mundial, aponta pesquisa

. Ethos e Amarribo Brasil assinam termo de cooperação para dar continuidade aos Indicadores de Transparência após a Copa de 2014

. Painel Nacional a hora é agora !


A voz do cidadãowww.avozdocidadao.com.br
. Site ensina a lidar com a natureza comercial da internet

. Mercado segurador recorre a teatro para mostrar como torcer seguro nos eventos da copa do mundo


Mercado Éticowww.mercadoetico.com.br
. Programa busca projeto que resolva problemas sociais

. Conflitos socioambientais aumentam na Amazônia

. Dia Internacional contra a copa destaca violações e exige retratação do Estado