A Declaração do Milênio - Objetivos do Milênio

on .

A Declaração do Milênio das Nações Unidas é um documento histórico para o novo século. Proclamada em setembro de 2000 em Nova Iorque.
Reflete as preocupações de 147 Chefes de Estado e de Governo e de 191 países.

Os líderes definiram alvos concretos, como reduzir para metade a percentagem de pessoas que vivem na pobreza extrema, fornecer água potável e educação a todos, inverter a tendência de propagação do VIH/SIDA e alcançar outros objetivo no domínio do desenvolvimento.Pediram o reforço das operações de paz das Nações Unidas, para que as comunidades vulneráveis possam contar com a ONU nas horas difíceis. E pediram-nos também o combate à injustiça, à desigualdade, o terror e o crime, e a proteção ao patrimônio comum, a Terra, em benefício das gerações futuras.

Na Declaração, os dirigentes mundiais deram indicações claras sobre como adaptar a Organização ao novo século.

Os Objetivos do Milênio são um conjunto de 8 macro-objetivos, a serem atingidos pelos países até o ano de 2015, através de ações concretas dos governos e da sociedade. São a agenda do planeta, a agenda da Humanidade. São a agenda do Brasil. A agenda de cada um de nós.

No Brasil, contamos, nessa iniciativa, com o apoio do PNUD – Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (www.pnud.org.br).

Para acessar o documento:
http://www.nospodemos.org.br/upload/tiny_mce/declaracao_do_milenio.pdf

Os Objetivos do Milênio

Os 8 macro-objetivos, a serem atingidos pelos países até o ano de 2015, através de ações concretas dos governos e da sociedade:

 


1-Erradicar a extrema pobreza e a fome
2-Atingir o ensino básico universal
3-Promover a igualdade de gênero e a autonomia das mulheres
4-Reduzir a mortalidade infantil
5-Melhorar a saúde materna
6-Combater o HIV/AIDS, a malária e outras doenças
7-Garantir a sustentabilidade ambiental
8-Estabelecer uma Parceria Mundial para o desenvolvimento.


As “8 metas” serão os parâmetros para que cada brasileiro faça algo na sua comunidade, no seu espaço de atuação e de vivência, doando-se um pouco mais num projeto nacional de solidariedade e ajudando a transformar a sociedade em que vive e melhorar a qualidade de vida de sua região.

Para acessar:
http://www.nospodemos.org.br/